:: SPORTING ATÉ À MORTE "Onde se Fala, Vive e Respira Sporting" :: Esforço, Dedicação, Devoção e Gloria, o Lema do nosso Sporting :: A Temporada 2012/2013 está a chegar!!! Juntos venceremos. Força Sporting :: O Sporting não é só futebol, Apoiar as modalidades é uma obrigação de todos os Sportinguistas :: SPORTING ATÉ À MORTE, Desde 2007 a apoiar o Sporting :: Obrigado pela tua visita, volta sempre :: WWW.SPORTINGATEAMORTE.BLOGSPOT.COM - O Teu Blog

Futebol - Bwin liga

A 1 ponto dos milhões...

Ufaaaaaaaaaa, a analise a este jogo só podia mesmo começar desta forma, pois as dificuldades esperadas antes do jogo foram completamente concretizadas, e só um Sporting sofredor, lutador e também com muita sorte!!!, foi capaz de sair de Paços de Ferreira com 3 preciosos pontos, que não garantem desde já nem o 2º nem o 3º lugar, mas que deixa os leões a apenas 1 ponto desse precioso objectivo... Quanto ao jogo em si, foi mais um exemplo, como se fossem precisos mais exemplos destes!!!, de um Sporting pobre, sem qualidade e incapaz de se impor de forma regular e autoritária a adversários tão acessíveis e aflitos como o Paços. Desta feita, por estranho que pareça, os pupilos de Paulo Bento até entraram bem no jogo, pressionantes, com dedicação, capazes e de forma autoritária, mas cedo se viu que tal não foi mais do que um momento ocasional, pois volvidos os primeiros 15 minutos de jogo o Paços já detinha o controlo absoluto dos acontecimentos, de tal forma que os pacenses desfrutaram de duas oportunidades de golo clarissímas, uma delas com a bola a embater na trave e a outra num lance incrível, em que Edson depois de ultrapassar Tonel e Patrício em drible, fez um remate fraco que foi salvo em cima da linha de golo por Tonel, bola que a entrar faria com certeza moça no Sporting... O jogo decidiu-se no minuto 34, quando contra a corrente do jogo, após a execução de um livre por Veloso à esquerda e assistência de Vukcevic, Djalo num remate acrobático introduziu a bola na baliza contraria e fez o único golo da partida. A segunda parte resume-se a um jogo de ataque continuado do Paços de Ferreira e a um Sporting totalmente remetido ao seu meio-campo, nunca arriscando de lá sair, até porque nunca criou fluidez de jogo que lhe permitisse trocar a bola no meio-campo contrario...

Para a história fica o triunfo leonino, e os preciosos empates de benfica e Guimarães, resultados que colocam o Sporting a apenas 1 ponto da champions...

Dados da partida:
Paços de Ferreira; 0
Peçanha, Mangualde (Fernando Pilar, 61 m), Kiko, Rovérsio e Chico Silva; Dedé, Filipe Anunciação (Carlos Carneiro, 81 m), Pedrinha; Cristiano, Edson (Fábio Paim, 72 m) e William. Treinador: José Mota. Suplentes não utilizados: Coelho, Ricardinho, Ferreira e Tiago Valente. Disciplina: cartões amarelos a Mangualde (23 m), Chico Silva (31 m), Rovérsio (41 m) e Fábio Paim (88 m).

SPORTING, 1
Rui Patrício, Abel, Tonel, Anderson Polga e Leandro Grimi; Miguel Veloso, Marat Izmailov (Farnerud, 90 + 1 m), João Moutinho, Leandro Romagnoli (Bruno Pereirinha, 74 m); Yannick Djaló e Simon Vukcevic (Gladstone, 83 m). Treinador: Paulo Bento. Suplentes não utilizados: Tiago, Adrien Silva, Ronny e Milan Purovic.
Disciplina: cartões amarelos a Polga (8 m), Vukcevic (54 m), Romagnoli (70 m), Tonel (77 m) e Miguel Veloso (83 m). Golo: Yannick Djaló (34 m)

Futebol – 29.ª jornada da Liga
2008-05-04 Estádio da Mata Real (Paços de Ferreira).
Árbitro: Bruno Paixão (Setúbal).
Árbitros auxiliares: António Godinho e Paulo Ramos.
Resultado ao intervalo: 0-0.

5 comentários:

Tite disse...

O Sporting só ganhou porque marcou um golo de sorte... e ponham sorte nisso!!! A estrelinha verde esteve na Mata Real.
Só espero que ela não nos abandone no próximo jogo em Alvalade. As estrelinhas da sorte também têm prazo de validade ehehehehe!
Abraços leoninos

Visconde disse...

Valeram os 20" iniciais e o resultado final, tudo o resto foi igual a tantos outros jogos, sem criatividade e sem ambição.
Resta-nos vencer o Boavista e garantir o acesso à Champions para depois vencer a Taça de forma a amnizar o prejuizo desta época.

Abraço Leonino amigo

PSN disse...

Caro Armando,

Infelizmente, não acho que tenhamos grandes motivos para regojizo...

A época não deixa de ser má se conquistarmos o 2.º lugar.

Acresce que atribuo esta, quase certa, conquista ao demérito dos adversários e não ao mérito do Sporting.

De facto, quando o balanço do nosso campeonato é 15 vitórias, 7 empates e 7 derrotas, apenas a azelhice dos adversários pode justificar o 2.º lugar.

O 2.º lugar e a taça podem minimizar os estragos, mas esta época não pode deixar de ser um exemplo de mau planeamento, má gestão de activos e insucesso desportivo.

Abraço,
PSN

PPA disse...

Ontem tinha esperança de ver no resumo alargado, um golo de cabeça anulado ao Wagnão do Estrela; porque como é sabido, este atleta é um deficiente com mutações genéticas, tem uma 3ª mão na testa.

Mas parece que o Pedro Proença não tem um olho de Abutre com tão boa visão como a do Duarte Gomes.

Verde CDV disse...

Pelo menos a atitude foi bem diferente e valeu os três preciosos pontos.
Domingo é para ganhar e manter este 2º lugar.
Não é o desejado , mas foi o possivel, não ficamos delirantes, mas é satisfatório.
SL